Caso Maurício Souza: marcas combatem homofobia travestida de liberdade de expressão

Em junho de 2019, o STF decidiu pela criminalização da homofobia e da transfobia. O contexto atesta a necessidade: o Brasil é o país que mais mata transexuais há pelo menos 12 anos. Foi definido, inclusive, que quem discriminasse ou ofendesse pessoas LGBTQIA +, a partir de então, seria enquadrado na mesma Lei do Racismo, com pena de […]